Paróquia de

São Mateus Moreira

Arquidioce de Natal

Zonal III

REABERTURA DA PARÓQUIA

ORIENTAÇÕES GERAIS

Helio Cunegundes Junior
publicado em 22/08/2020 15:12, atualizado em: 25/08/2020 12:07

Irmãos e irmãs, graça e paz da parte de Deus nosso pai e cuidador da vida!


Esperamos que todos estejam bem, apesar do tempo de pandemia que estamos vivendo e todos os desafios que derivam deste momento. A nossa paróquia durante este período de pandemia, manteve-se fechada para acesso da comunidade, mas aberta para sempre bem acolher as intenções e rezar pela superação e todas as dificuldades do nosso povo, junto dos poucos agentes que atuam na Sagrada Liturgia.


Levando em consideração o plano de reabertura das Igrejas da Província Eclesiástica de Natal, as orientações da CNBB para Celebrações Comunitárias no contexto da COVID-19, e as recomendações do Decreto nº 6294 da Prefeitura de Parnamirim, a nossa Paróquia decidiu:


I. DATA DA REABERTURA:


O processo de reabertura da nossa paróquia iniciará no dia 10 de agosto de 2020, para a oração particular, e dia 15 de agosto de 2020, para a participação da comunidade nas celebrações, adoração e recitação do Santo Terço, respeitando-se os critérios de higienização e progressividade.


II. AS MISSAS:


Para garantir a segurança e uma maior participação da comunidade, o número de celebrações foi majorado em caráter experimental, as celebrações serão distribuídas da seguinte maneira:

Terça-feira às 18h | quarta-feira às 18h | quinta-feira às 6h | sexta-feira às 18h | sábado às 18h e domingo às: 8h, 16h e 19h.

Os fiéis que estão ou se sentem doentes não devem ir à Missa. Estes poderão receber a comunhão espiritualmente em suas casas, através das transmissões promovidas pela Pastoral da Comunicação (PASCOM).


III. PROTOCOLO DE SEGURANÇA PARA PARTICIPAÇÃO DA SANTA MISSA:


AOS FIÉIS:


1. Todos os interessados em participar das celebrações, deverão agendar com a secretária paroquial, através dos telefones: (84) 98622-4138 ou 2030-3381. Não é necessário ir até a secretaria.

2. Chegar 20 minutos antes da Missa começar;

3. Não é permitido o ingresso a Igreja sem máscara;

4. Manter o distanciamento social de 1,5m, mesmo sendo da mesma família. Para isso, os bancos e o piso da Igreja estão devidamente sinalizados;

5. Será aferida a temperatura corporal, no portão de entrada da Igreja, através de termômetro de aproximação.

6. O acesso à Igreja será controlado pela equipe de apoio da paróquia, somente será permitida a entrada se houver agendamento prévio.

7. As intenções deverão ser enviadas com antecedência, via site da paróquia: www.paroquiamteusmoreira.com.br

8. Nos totens estará disponível o QR code para o acesso aos textos de acompanhamento da Santa Missa.

9. O abraço da paz deverá ser omitido.

10. O Recolhimento das ofertas, será disponibilizado nos totens de álcool em gel, um QR code que direciona aos dados bancários da paróquia. A oferta presencial poderá ser realizada na urna que será posicionada estrategicamente pela pastoral do Dízimo ou durante a semana no horário comercial na secretária da Paróquia.

11. No momento da comunhão, os fiéis não precisam dizer amém diante do ministro ou do Sacerdote, ao receber a Santa Comunhão dirija-se à sua esquerda ou direita (seguindo o lado do seu assento) e no lugar indicado retirar a máscara e comungar.

12. Ao fim da celebração, os fiéis deixarão a Igreja começando pelos que estão mais próximos da porta de saída, evitando, inclusive, desta forma, que as pessoas se cruzem e as aglomerações diante da paróquia.

13. Após a Missa, todos os objetos litúrgicos e bancos da Igreja deverão ser higienizados.


IV. AOS AGENTES QUE ATUARÃO NAS CELEBRAÇÕES E DEMAIS EVENTOS NO TEMPLO:


É recomendável a não participação de agentes que integrem o grupo de risco; por idade ou comorbidade. Todos deverão higienizar as mãos e usar máscaras.


MESCE: I) Os ministros distribuam a Comunhão, com a devida distância, e sempre na mão do fiel. Antes da distribuição da Comunhão devem higienizar as mãos com álcool gel, como também ao final da comunhão. II) Serão usadas as “pinças eucarísticas” para a segurança de ambas as partes. III) Por cautela, inicialmente repetiremos os ministros nas celebrações. (Será um por Missa).

LEITORES: I) Usar vestimenta social, camisa do Ministério e chegar com bastante antecedência. II) Um leitor deverá ser escalado para atuar em toda a liturgia nas Missas semanais, sendo opcional, a participação de mais um leitor nas solenidades e Missas dominicais, levando sempre em consideração a extensão das leituras.

ACÓLITOS: I) Um coroinha deverá ser escalado por celebração, devendo permanecer no serviço do altar durante toda a liturgia. II) Por cautela, inicialmente repetiremos os coroinhas nas celebrações. (Será um por Missa).

MÚSICOS: I) Fica estabelecido o limite de três agentes no ministério, por celebração ou evento. II) A mesa de som deverá ser ajustada com antecedência junto com a PASCOM, para evitar interrupção e falhas no sinal durante as transmissões. III) Quanto ao uso do microfone, seja observado que cada pessoa, durante a celebração, use apenas o seu microfone, que não deve ser partilhado com outra pessoa.


Conforme o plano de reabertura das Igrejas da Província Eclesiástica de Natal, estão suspensas até o fim deste ano, as Celebrações de Crisma e Primeira Eucaristia. Ficam ainda suspensos os encontros presenciais de Catequese infantil e Adultos, Segue-me, Mesinha da Palavra, Crisma e demais movimentos até segunda ordem. As Confissões serão realizadas as quintas e sextas, no turno matutino, com agendamento prévio via secretaria, respeitando o limite de três pessoas por dia. Casamentos e Batizados permanecem suspensos, até o alinhamento dos protocolos de segurança com os agentes de pastoral e o cerimonial.


Reuniões que sejam de extrema necessidade sejam feitas, se possível, por meios digitais e, onde isto não for possível, procure-se reduzir ao máximo o número de participantes, escolher um local amplo e arejado e manter o distanciamento de um metro e meio entre as pessoas, uso obrigatório de máscaras de proteção e disponibilizar álcool em gel 70% no local, para higienização.


Cristo veio para que todos tenham vida e a tenham em abundância (Cf. Jo 10,10). Façamos da missão de Jesus a nossa própria missão nos unindo a Ele nos cuidados com a vida. Temos a plena consciência que nossa responsabilidade cristã passa, também, pelo cumprimento das normas de segurança e cuidados com a saúde comunitária. Pedimos a toda à comunidade a compreensão e a mútua colaboração para superarmos com esperança este tempo de instabilidade na certeza que o Senhor nos garante a vitória.


Suplicando ao Senhor da vida, nosso Salvador Jesus Cristo, que estenda sua mão cheia de ternura sobre todos, especialmente os doentes, e que faça cessar esta pandemia, e invocando a intercessão de Nossa Senhora da Apresentação, pela saúde dos enfermos, e de São Mateus Moreira, nosso padroeiro, a proteção das insídias do inimigo.


Cidade Verde – Nova Parnamirim -RN, 14 de agosto do ano da graça de Nosso Senhor Jesus Cristo de 2020.


+ Pe. Francisco de Assis


Veja o documento com as orientações gerais de reabertura


É necessário fazer o login para postar comentários.